domingo, 26 de agosto de 2018

PR DA GUINÉ-BISSAU REGRESSOU AO PAÍS E CHAMOU O PM DA GUINÉ-BISSAU AO PALÁCIO PARA SE INTEIRAR DO RECENSEAMENTO ELEITORAL

O Presidente da Republica da Guiné-Bissau regressou a terra depois de périplo realizado com objectivo de auscultar as preocupações da nossa comunidade residente na diáspora.


"Regressei ao país para me recensear de acordo com a data prevista no nosso cronograma eleitoral, fui informado pelo Sr. Primeiro Ministro de que o mesmo não poderia acontecer devido alguns atrasos", disse o Presidente da República

Durante audiência o Sr. Primeiro-Ministro - Aristides Gomes, fez ponto de situação pelo atraso no inicio da data prevista para o recenseamento eleitoral. 

"Apesar de oficialmente ter arrancado, esta quinta-feira, o recenseamento com vista às eleições legislativas agendadas para 18 de Novembro e presidenciais em 2019, até ao momento tudo está paralizado, devido à ausência dos indispensáveis "kits" para o registo biométrico de cerca de 1 milhão de potenciais eleitores."




Sem comentários:

Publicar um comentário