quarta-feira, 22 de agosto de 2018

FORMULÁRIOS PARA RECENSEAMENTO ELEITORAL JÁ CHEGARAM A BISSAU

Os formulários para o recenseamento eleitoral na Guiné-Bissau, que arranca na quinta-feira, chegaram hoje ao aeroporto internacional Osvaldo Vieira, em Bissau, faltando agora rececionar os 'kits' para registo biométrico prometidos pela Nigéria.

"É um sinal, um primeiro passo está dado, temos aqui os formulários o que quer dizer que as operações estão em andamento", afirmou o diretor-geral do Gabinete Técnico de Apoio ao Processo Eleitoral (GTAPE), Alain Sanka.

Segundo Alain Sanka, os 920 mil formulários hoje rececionados foram fabricados na África do Sul.

O Presidente da Guiné-Bissau, José Mário Vaz, marcou eleições legislativas para 18 de novembro e o recenseamento eleitoral vai decorrer entre quinta-feira e o dia 23 de setembro.

As autoridades guineenses têm tido algumas dificuldades financeiras e técnicas para a realização do recenseamento eleitoral, incluindo a falta de 'kits' eleitorais, com equipamentos de registo biométrico.

A Nigéria anunciou o empréstimo de 300 'kits' de registo biométrico, que deverão chegar ao país no decurso desta semana, segundo o representante do embaixador da Nigéria na Guiné-Bissau, Anthony John Ebipador.

O primeiro-ministro guineense já tinha afirmado na semana passada que o recenseamento poderia começar a 23 de agosto, devido à cooperação com a Nigéria e a uma cooperação suplementar com Timor-Leste.

O Governo de Timor-Leste aprovou o envio para Bissau de um representante especial para identificar as necessidades do Governo guineense para a realização das eleições de 18 de novembro.

A Comissão Nacional de Eleições guineense estima que sejam registados cerca de um milhão de eleitores.

Conosaba-Lusa

Sem comentários:

Publicar um comentário